(42) 3028-1377 | (42) 9816-0008

contato@medvitae.com.br

                       Logo MedVitae

R. Coronel Dulcídio, 1085 - Ponta Grossa

| Proteção Respiratória: A importância dela no contexto atual de pandemia |

Saiba o que é esse tipo de equipamento e como ele vem sendo essencial para os trabalhadores da saúde

Falar em proteção respiratória nos dias de hoje é bastante comum diante da pandemia do novo coronavírus. O uso de máscara pelos profissionais da saúde, assim como pela população em geral tem sido obrigação.  

Adotada a muito tempo como uma ferramenta essencial em determinadas áreas de trabalho, as máscaras tem como principal missão proteger as vias aéreas e a boca de agentes químicos, minerais e biológicos presentes no ar.  

 

Mas afinal do que se trata a proteção respiratória? 

Definida como uma das medidas universais de segurança que visa formar uma barreira de proteção ao trabalhador, a proteção respiratória tem como principal missão proteger as mucosas do indivíduo de agentes nocivos.  

Ela pode ser classificada em 5 modelos, sendo a máscara autônoma como a mais comum e o purificador de ar motorizado de adução de ar o mais completo e complexo.

Os modelos são: A peça semifacial, a peça facial inteira, o capuz capacete e sem a vedação facial, que por sua vez proporciona apenas uma vedação parcial da face, não cobrindo pescoço e nem os ombros.  

 

Respiradores de ar e seus tipos 

Cada tipo de proteção é utilizado conforme a avaliação de risco.  Existem no mercado também os respiradores mais específicos, os quais são utilizados em ambientes com gases químicos presentes ou falta de oxigênio, por exemplo.  

Esse tipo de equipamento por sua vez pode ser dividido em dois tipos 

Respirador de adução de ar – os quais são aqueles recebem o ar de uma fonte externa como ar comprimido, por exemplo. 

Purificadores de Ar – os quais filtram o ar do ambiente e removem os gases e vapores nocivos presente.  

 

Pandemia: A máscara vem sendo um dos equipamentos essenciais para conter o vírus 

A proteção respiratória visa controlar a inalação de agentes potencialmente perigosos como o coronavírus.   

Os trabalhadores que estão na área da saúde e na linha de frente de combate ao vírus vem fazendo uso do equipamento constantemente justamente para tratar pacientes da doença e poder se proteger da contaminação.  

Apesar de algumas dúvidas em relação ao seu uso pela população no início da crise sanitária, a Sociedade Brasileira de Tisiologia e Pneumologia (SBTP) destacou que o uso por todos pode contribuir para evitar que o vírus se espalhe ainda mais, apesar do isolamento ainda ser a melhor opção a ser seguida.  

 

Por que as empresas devem investir nesse tipo de equipamento? 

Além de fazer partes dos itens obrigatórios dentro do ambiente de trabalho, investir em equipamentos de segurança como a proteção respiratória permite que: 

-A empresa aumente sua reputação diante da segurança dos trabalhadores 

Reduza as multas e indenizações por conta de intoxicações e envenenamento 

Fomente a segurança do trabalhador, uma vez que um local mais seguro permite que a produtividade seja maior e melhor.  

 

Para que o equipamento de proteção individual seja realmente assertivo é importante que o mesmo seja utilizado de forma adequada conforme a recomendação do fabricante.  

Na dúvida converse com especialistas da área.