NR17: O que é importante saber sobre ela?

NR17

A NR17 tem um papel importante para a prevenção de doenças ocupacionais. A mesma tem como foco a ergonomia. Ou seja, normas e procedimentos os quais visam a saúde e segurança do colaborador. Assim como a integridade física e mental dos mesmos no ambiente de trabalho. 

Neste conteúdo iremos abordar o que é importante saber sobre a NR17. Assim como quais suas principais atualizações. Visto que a mesma sofreu alteração, assim como outras normas regulamentadoras no último ano. Acompanhe. 

 

O que é a NR17?

 

A NR17 é a norma regulamentadora que trata sobre as questões ergonômicas. A mesma tem como principal objetivo oferecer procedimentos para diminuir riscos decorrentes das práticas ergonômicas. 

 

Para quem ainda não sabe, a ergonomia é o estudo que explica a relação do ser humano com outros elementos como as máquinas, por exemplo. Assim como desenvolve práticas capazes de otimizar o bem-estar das pessoas e seu desempenho no local onde está inserido. 

 

Já em sua estrutura, NR17 leva pontos como: 

 

  • Organização do trabalho;
  • Equipamentos utilizados pelo colaborador;
  • Processo de levantamento de transporte e de carga de materiais. Seja ele de forma coletiva ou individual;
  • Mobiliário do posto de trabalho;
  • Condições ambientais em que o colaborador está inserido. 

 

O que mudou na NR17 com a nova atualização?

 

Assim como outras revisões das normas regulamentadoras, a NR17 também está entre as normas revisadas. A última atualização entrou em vigor no dia 3 de janeiro, assim como teve o propósito de se adequar ao PGR, instituído na NR1 para todas as atividades. 

 

Vale destacar que a nova redação, portanto, exige a Avaliação Ergonômica Preliminar (AEP). Assim como também traz requisitos mais claros sobre a elaboração da AET – Análise Ergonômica do Trabalho. 

 

Desse modo a revisão da NR17 reforça que além da análise ergonômica, a qual todas as análises do trabalho eram realizadas, agora é imprescindível a realização da AEP. Isso porque a mesma é capaz de trazer medidas de prevenção mais rápido, assim como permitir a adaptação das condições de trabalho em prol da saúde e segurança do colaborador. 

Quais os benefícios da norma?

 

Os benefícios da NR17, por sua vez, são bastante variados. Além de estar em dia com a legislação trabalhista, a empresa que se adéqua as recomendações da norma permitem trazer orientações e procedimento obrigatórios capazes de evitar possíveis doenças ocupacionais, assim como futuros processos trabalhistas a empresa. 

 

Dentre os principais benefícios da norma estão:

 

  • O aumento da produtividade, visto que um colaborador confortável é também mais produtivo;
  • Organização do trabalho, uma vez que a NR17 considera as normas de produção. Neste caso estão inclusas o modo operatório, exigência do tempo, ritmo de trabalho entre outros. 
  • Menor incidência de doenças ocupacionais, assim como acidentes, visto que a norma técnica disponibiliza as ferramentas adequadas para o desenvolvimento do trabalho e diminuir os riscos do desenvolvimento dos mesmos;
  • Organiza a questão de transporte, carga e descarga, uso de maquinários e mobiliário do ambiente de trabalho, pois durante a avaliação todas essas questões são avaliadas de modo a torna a atividade mais confortável e de bem-estar ao colaborador. 

 

Gostou de saber mais sobre a NR17? 

Então você pode gostar também:

GRO – Quais os objetivos?

Três motivos para investir em Segurança do Trabalho

 O que é o PAE?

Ainda tem dúvidas sobre o assunto?  Envie uma mensagem para a equipe especializada da Medvitae.

Compartilhar

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on email
Posso Ajudar?